terça-feira, 2 de dezembro de 2008

HOMENAGEM AOS NOSSOS COMPANHEIROS JÁ FALECIDOS

video
HOMENAGEM Para todos os nossos companheiros que já não fazem parte do nosso convívio, tanto aos que lá pereceram como aos que ao longo dos anos nos deixaram:
BALADA HENRIQUE DE CARVALHO
(Letra e música de Rocha Marques - pil.av.)
Quando a noite veste de sombras o mundo, 
E o silêncio me desperta a solidão, 
Verto lágrimas e o meu sofrer é profundo, 
Põe-me louco de saudade o coração.
Quando os pássaros saudando a madrugada, 
Me despertam para a guerra uma vez mais, 
Sinto o peso desta a vida amargurada, 
Sinto ódio às minhas «asas» infernais.
Quando penso que lá longe ela me espera, 
Ansiando pelo dia da chegada, 
Grito a Deus que minha alma desespera, Grito a Deus, mas o silêncio não diz nada.
Oh! Henrique de Carvalho, meu desterro, 
Que por dois anos me farás teu prisioneiro, 
Se eu morrer quero bem longe o meu enterro, 
Quero ser da paz eterno companheiro.

Fernando Braga, Vitor Rego, Alfredo Boeiro, António Mesquita, Carlos Riquier, João Brandão, José Antunes, José Vieira, Joaquim Escudeiro, Rui Serrão, Carlos Fialho, (Acidente de T-6 em Teixeira de Sousa dia 5/Out/69) Alex Pina, Rocha Marques- pil. Aviador

As suas palavras ficaram para cumprir a nossa saudade. Como diz a Balada, estávamos a aprender a ser «da paz, eternos companheiros». 
Só o Fialho ficou por lá.
Descansem em paz.

Email recebido de Carlos Joaquim

3 comentários:

  1. à mais de 30 anos que procuro esta balada.
    Por coincidencia, so hoje tive conhecimento de quem fora o seu autor e que a mesma, retratava Angola, durante a Guerra.
    Estive em moçambique em 74/75 e ouvi e cantei acompanhado à viola os versos desta Balada que agora sei chamar-se " Balada Henrique de Carvalho ".
    Em Moçambique, alguem a deve ter adaptado para a realidade de " Mueda " zona de conflito.
    Por isso a ouvi e adorei tocar e cantar.
    Resta-me saber agora se a musica é a mesma do seu autor ou se tambem foi adaptada.
    Se alguem tiver o registo audio desta Balada e queira enviar-me, ficarei eternamente grato.
    Boa pascoa e obrigado
    Jerónimo Guerra Dias
    Caçador Para-quedista
    1616/73
    boinaverde1@gmail.com

    ResponderEliminar
  2. à mais de 30 anos que procuro esta balada.
    Por coincidencia, so hoje tive conhecimento de quem fora o seu autor e que a mesma, retratava Angola, durante a Guerra.
    Estive em moçambique em 74/75 e ouvi e cantei acompanhado à viola os versos desta Balada que agora sei chamar-se " Balada Henrique de Carvalho ".
    Em Moçambique, alguem a deve ter adaptado para a realidade de " Mueda " zona de conflito.
    Por isso a ouvi e adorei tocar e cantar.
    Resta-me saber agora se a musica é a mesma do seu autor ou se tambem foi adaptada.
    Se alguem tiver o registo audio desta Balada e queira enviar-me, ficarei eternamente grato.
    Boa pascoa e obrigado
    Jerónimo Guerra Dias
    Caçador Para-quedista
    1616/73
    ieei@portugalmail.pt

    ResponderEliminar
  3. João Manuel Rocha Marques...Quanta saudade...Há cerca de 40 anos, quando ouvi a triste notícia da sua morte, fiquei sempre com a dúvida que tivesse acontecido, "cá longe onde ela o esperava"...Hoje, quando encontrei esta página, procurei uma foto, mas não a encontrei...

    ResponderEliminar