quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

O NATAL EM ANGOLA

Falar de Natal e propriamente de Angola é tema quase obrigatório nesta época que atravessamos e neste local , que passamos quase a “venerar” , que é o Virtual Clube de Especialistas do AB4 .
O Natal só ficou conhecido em Angola depois dos portugueses por lá chegarem, pois estes na sua expansão territorial faziam-se acompanhar sempre de um missionário. 
Lembro aqui que, com os descobrimentos os portugueses visavam expandir não só o seu império mas e também a fé de Cristã. Com a evangelização, o Natal tornou-se uma festa hoje assumida como tradicional em Angola, sendo assim, comemorada em todo o País. Há uma diferença entre o Natal das cidades e o das aldeias. Nas cidades onde o nível social das população é bastante mais elevado, o Natal é tipicamente português, com todos ingredientes com que é conhecido na Europa, neste caso, em Portugal. O Natal nas aldeias chega a ter uma característica adequada à baixa condição sócio-económica, cultural e intelectual dos cidadãos ali residentes. É no entanto muito animado, o povo programa uma festa tradicional com comidas e bebidas conforme a sua região.
Geralmente há missa na noite de 24 para 25 de Dezembro. Durante o dia, há danças folclóricas. Bebe-se a Kissanga ou Kimbombo, que são bebidas tradicionais feitas em casa com farinha de cereais. Os adultos bebem geralmente o Caporroto também chamado “Capuca” (destilada em moldes tradicionais) que é uma bebida destilada, feita com banana, ou batata doce ou ainda com farelo de cereais. Bebe-se também a famosa "Quissangua" (um refrigerante tradicional) . As aldeias vizinhas programam encontros, animados com danças folclóricas. Os povos praticam desporto, ou outras diversões culturais durante o dia 25 de Dezembro, tais como encontros de futebol, entre grupos pertencentes a aldeias diferentes.
Presentemente o Natal em Angola, é a maior festa que mobiliza todas as populações. Nas aldeias as pessoas são normalmente religiosas. Não se pode falar em religião sem falar de Cristo. Isto torna o Natal, nascimento de Cristo , uma história muito interessante entre todas as regiões de Angola e muito particularmente no Leste .
É assim o Natal em Angola

Virgilio Oliveira Recebido por email