sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

BA2 OTA FEV. 1969 - ACONTECIMENTOS NA NOSSA GERAÇÃO


OTA – Fev. 1969

   A fim de matar saudades pelos tempos preenchidos na Ota aquando mancebos e alunos, propus-me recolher e difundir acontecimentos ocasionais da nossa “guerra”. Fotos, imagens, escritos – tudo que possa servir para avivar e recordar em comum, numa paz saudável e com um sabor nostálgico, certas passagens da nossa vida, antes de expirarmos o último e derradeiro sopro.
Ministro a passar revista á guarda de honra
   Para quem esteve na B.A.2 em Fevereiro de 1969, provavelmente lembrar-se-á da visita do Ministro da Defesa Nacional, General Sá Viana Rebelo.
 A aguardá-lo, entre outras individualidades, encontravam-se nesta Unidade da Força Aérea, o Comandante interino da 1ª. Região Aérea, Brigadeiro Krus Abecassis, o Comandante e 2º. Comandante da B.A.2, Tenentes-coronéis Brochado de Miranda e Correia do Amaral.
   Depois de ter passado revista e assistido ao desfile da guarda de honra constituída por dois pelotões com bandeira e fanfarra, O Ministro da Defesa Nacional e restantes personalidades dirigiram-se para o Grupo de Instrução de Técnicos e Especialistas, onde o Tenente-coronel Brochado de Miranda apresentou os cumprimentos de boas-vindas ao General Sá Viana Rebelo, fazendo em seguida uma breve síntese das actividades da Unidade. 
   Através de gráficos elucidativos pôde verificar-se o aumento de soldados alunos especialistas que têm frequentado os vários cursos que ali se ministram: 76 alunos em 1960; 986 em 1961; 1410 em 1962; 1244 em 1963; 1353 em 1964; 1652 em 1966; 1302 em 1967; 1693 em 1968 e 1695 em 1969. Como nota curiosa infere-se o número máximo de alunos que as instalações da Unidade comportavam nessa época (1969) – 1.700 alunos, ou seja, faltavam apenas 5 para completarem o elenco total!...
   Os cursos que se ministravam no GITE eram os seguintes: especialistas de material aéreo e terrestre, armamento e equipamento, comunicações, meteorologia, circulação aérea e abastecimento. 
  Além das actividades do Grupo de Instrução de Técnicos e Especialistas, administravam-se cursos de formação e promoção de oficiais técnicos e promoção a furriel.
Sessão de teino físico na parada
   Finda a visita ao GITE, o Ministro da Defesa Nacional esteve na Esquadra de Instrução Complementar de Pilotagem de Aviões de Caça, assistindo por fim aos exercícios de preparação física dos soldados-recrutas.
  Por fim, foi servido um almoço na Messe de Oficiais a que assistiram todas as individualidades presentes, tendo o Comandante da Unidade feito uma saudação ao Ministro da Defesa Nacional, que depois correspondeu.
Aula de motores
Despedida do ministro com partida para Lisboa
Nota: Recolha de informação na Revista “Mais Alto” nº. 119 – Março 1969
               
Compilação e arranjo de texto de:

Sem comentários:

Enviar um comentário