segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

LESTE DE ANGOLA - 25

“LESTE DE ANGOLA”
Memórias de um passado saudoso

LUANDA – 1971 a 1975

     Após uma imensidão de anos, tento afincadamente trazer à memória as minhas vivências passadas naquela que foi a Luanda de outrora.

Releio lenta e saudosamente as anotações que tirei e que ainda permanecem no meu já velhinho baú, e faço ressaltar as datas que indicam com precisão, todos os momentos em que pisei solo Luandense.
Ainda em 1970, encontrava-me na Base das Lajes, onde desenvolvi o meu tirocínio de controlador de aviões. Um dia, nesse longínquo ano, depois de ter terminado o meu turno, e ao percorrer solitariamente o caminho da Torre para a Porta de Armas, avistei uma bandeirinha pregada a meia haste. Tinha morrido Salazar! O sino da vila das Lajes, lá bem no fundo das pistas, gemia com os seus timbres, repuxando-me às lembranças da minha terra natal e … chorei, pelo meu desterro…
Treze meses de isolamento numa pequena ilha de nada – o desmamar dum mancebo a tornar-se homem…
Prostrado no outro lado do mar, saudoso e tristonho, assim vivi até partir para um lugar mais distante ainda, por tempos mais alargados, para um país em guerra a que chamei de Angola. 

PARA CONTINUAR A LEITURA DO ARTIGO, CLICAR EM:


Sem comentários:

Enviar um comentário